Files

Abstract

O artigo questiona alguns elementos convencionais de análise na literatura econômica rural e no senso comum dos técnicos e procura explicar a entrada e expansão da soja em mato grosso à parte da questão preços x quantidades de insumos e produtos. Fundamentalmente propõe na discussão, a identificação de alguns elementos da modernização do campo, como pré-condição do processo de migração dos agricultores do sul do país para mato grosso. Também procura mostrar como os agricultores produtores da soja se tornaram reféns do sistema internacional de preços e insumos modernos, além, naturalmente do sistema financeiro. Indica que o sojicultor se tornou refém do capital agroindustrial, do mercado e de suas instituições. Indica-se inicialmente que a introdução da soja foi provocada por políticas governamentais em conjunto com ações de empresas comerciais que se beneficiam do processo.

Details

Downloads Statistics

from
to
Download Full History