Files

Abstract

Apesar do bom desempenho recente da cadeia produtiva da carne suína no Brasil, verifica-se que este setor é afetado por instabilidades no cenário internacional e por incertezas de ordem sanitária, econômica e ambiental. A fim de melhor posicionar os agentes econômicos frente às mudanças no ambiente concorrencial, existem inúmeras ferramentas de planejamento e gestão, sendo que a técnica de construção de cenários é uma delas. O presente trabalho é um estudo exploratório da cadeia produtiva da carne suína brasileira, com ênfase nos três estados da região Sul, e tem por objetivo identificar dois elementos centrais na construção de cenários, quais sejam: as tendências e as incertezas percebidas pelos principais agentes da cadeia produtiva. Para tanto, foram entrevistados 19 técnicos e dirigentes das instituições públicas e privadas que representam, apóiam e fiscalizam a suinocultura nacional. Os resultados apontam para as principais tendências e incertezas, bem como para quatro esboços de cenários para a suinocultura nos próximos cinco anos.

Details

Downloads Statistics

from
to
Download Full History