Files

Abstract

objetiva-se analisar a evolução do modo de produção dos produtores do Assentamento Grossos em Canindé-Ceará. A pesquisa tem como delineamento o estudo de caso, recorrendo as concepções das pesquisas etnográfica e participava. Os dados, de origem primária, foram coletados mediante aplicação de questionários.Os dados secundários são provenientes de documentos oficiais. Para análise dos dados recorreu-se a uma abordagem qualitativa.Os resultados mostraram que, à época da Fazenda, como moradores, os agricultores estavam submetidos a um modo de produção que os explorava. Historicamente, a passagem da fazenda Grossos para Assentamento Grossos alterou o modo de produção, pois o assentado conquistou o seu espaço agrário, a terra, adquiriu novos instrumentos de trabalho e as relações de produção passaram de morador/patrão para agricultor proprietário de sua terra. Como destaques práticos, ressalta-se a importância de se analisar a evolução no modo de produção antes de qualquer intervenção, assim como forma de melhor adequar as políticas públicas voltadas para as comunidades rurais, considerando-se o modo de produção praticado. Para um modo diferente de produzir, exigem-se políticas diversificadas que levem em conta essas particularidades.

Details

Downloads Statistics

from
to
Download Full History