ARRANJO PRODUTIVO LOCAL DO AGRONEGÓCIO LEITE

O presente trabalho teve por objetivo analisar as atividades que envolvem o processo de inovação tecnológica no arranjo produtivo local do agronegócio leite em Rondônia, especificamente na região de Rolim de Moura. Em um primeiro momento, analisou-se a inovação tecnológica com base em dados secundários. Posteriormente, realizou-se uma pesquisa de campo na região do município de Rolim de Moura, que faz parte do território do APL, com o intuito de investigar as atividades presentes nas relações entre as firmas do arranjo, parte importante na geração de capacidade inovativa das empresas. Verificou-se que as indústrias de laticínios da região mantêm com seus produtores rurais acordos formais e informais, em que estes concordam em trabalhar cooperativamente, e mantendo sua autonomia de gestão. Essa característica é também identificada nas relações estabelecidas entre os laticínios e a distribuição em varejo, em que as ações mantidas por eles não estão sendo gerenciadas somente com as regras de mercado, como também, não há práticas estratégicas de integração vertical por parte destes. Ressaltamos que as inovações, na sua grande maioria, visam atender normas para a produção, armazenamento, transporte, comercialização e distribuição de produtos, instituídas principalmente pelo Ministério da Agricultura, entre outros.-------------------------------------------This study aimed to examine the activities involving the process of technological innovation in local productive arrangement of agribusiness milk in Maryland, specifically in the region of Rolim de Moura. At first, looked up technological innovation based on secondary data. Later, held up a search of field in the municipality of Rolim de Moura, which is part of the territory of APL, with the aim of investigating the activities present in the relations between the firms of arrangement, an important part in the generation of innovative capacity of companies. It was found that the industries of the region's dairy farmers have with their formal and informal agreements, in which they agree to work cooperatively in maintaining their independence from management. This feature is also identified in the relations established between the dairy and distribution in retail, where the shares held by them are not only managed with the rules of the market, but there is no practical strategic vertical integration by these. We emphasize that the innovations, for the most part, seek to meet standards for the production, storage, transport, marketing and distribution of products, mainly imposed by the Ministry of Agriculture, among others.


Issue Date:
2008-07
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/113967
Total Pages:
21




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-26

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)