Expectativa versus ajustamento no modelo de Nerlove de oferta de produtos agrícolas: alguns resultados para o Brasil

Os estudos que têm aplicado o modelo de Nerlove de oferta de produtos agrícolas, tanto no Brasil como em outros países, não têm dado a devida atenção à sua especificação econométrica. Assim, afirma-se constantemente que os coeficientes de expectativa adaptada e de ajustamento parcial não podem ser identificados devido à maneira simétrica que estes parâmetros entram na equação em forma reduzida do modelo. Esta asserção só é correta quando a especificação econométrica corresponde a uma hipótese bastante peculiar da componente aleatória. Esta hipótese particular não deve ser imposta, a priori, como uma hipótese mantida, mas, sim, submetida ao veredito dos dados. O objetivo deste trabalho consiste em apresentar uma discussão do problema da especificação econométrica do modelo de Nerlove de oferta de produtos agrícolas, bem como ilustrar essa discussão com resultados de estimativas de algumas equações, para produtos selecionados, usando-se dados para o Brasil como um todo.


Subject(s):
Issue Date:
Dec 31 1979
Publication Type:
Journal Article
ISSN:
0103-2003
Language:
Portuguese
Published in:
Brazilian Journal of Rural Economy and Sociology (Revista de Economia e Sociologia Rural-RESR), Volume 17, Number 4
Page range:
163-181




 Record created 2017-11-09, last modified 2017-11-09

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)