A contribuição da educação na produção agrícola

O presente estudo tenta estimar taxas de retorno ao investimento em educação, considerando dois aspectos: número médio de anos de educação formal do produtor e diferentes níveis de educação entre eles. A região escolhida para o estudo é aquela na qual foi implementado o Programa de Assentamento Dirigido do Alto Paranaíba (PADAP), no Estado de Minas Gerais. As taxas de retorno ao investimento em educação foram determinadas através da combinação de duas técnicas: análise de "cash-flow" e função de produção. Os resultados revelaram uma taxa de retorno ao investimento em educação da ordem de 24,78%, quando se considera o número médio de anos de educação formal do produtor; por outro lado, quando taxas de retorno são calculadas para diferentes níveis de educação, o nível 4 a 8 anos de educação formal foi aquele que apresentou a maior taxa de retorno (25,45%).


Subject(s):
Issue Date:
Dec 31 1979
Publication Type:
Journal Article
ISSN:
0103-2003
Language:
Portuguese
Published in:
Brazilian Journal of Rural Economy and Sociology (Revista de Economia e Sociologia Rural-RESR), Volume 17, Number 4
Page range:
85-118




 Record created 2017-11-09, last modified 2017-11-09

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)