EXPECTATIVAS DA AGROINDÚSTRIA CANAVIEIRA PARANAENSE DIANTE DA DIMINUIÇÃO DO PROTECIONISMO NO COMÉRCIO INTERNACIONAL

O trabalho verifica os possíveis reflexos que uma diminuição do protecionismo internacional tende a causar na agroindústria canavieira do Paraná. A busca por informações caracterizou-se pela utilização das Técnicas de Preferência Declarada, que apresentou os seguintes resultados: a) aumento da área plantada com cana-de-açúcar; b) aumento do número de usinas (novas empresas); c) elevação do número de usinas exportadoras (novas unidades produtivas); d) aumento da receita das usinas; e) permanência da competitividade brasileira. Os resultados confirmam a posição de eficiência competitiva da respectiva agroindústria, que tende a não sofrer efeitos, provenientes da diminuição do protecionismo, que possam prejudicar sua posição de líder em relação ao resto do mundo. Constata-se que uma diminuição do protecionismo pode acarretar um efeito multiplicador que terá seu início caracterizado pela elevação do percentual do território paranaense plantado com cana-de-açúcar.


Issue Date:
2007
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/149652
Total Pages:
21




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-27

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)