Relação entre os preços dos mercados futuro e físico da soja: evidências para o mercado brasileiro

Em 1970, Brasil tornou-se o segundo produtor mundial de soja em grão e o principal exportador de farelo de soja, sob a égide de intervenções e subsídios governamentais em praticamente todos os segmentos do SAG (Sistema Agroindustrial) da soja. O objetivo do trabalho é verificar qual é o mercado que determina o preço da soja (físico ou futuro) e verificar se há uma relação estável e de longo prazo (cointegração). Os dados utilizados foram os preços da soja em Guarapuava/PR para o mercado físico e o preço do contrato futuro para soja com vencimentos em abril para o período de outubro de 2002 até março de 2004 da Bolsa de Mercadorias & Futuros. Como conclusão observou-se que o mercado futuro é líder de preços, sendo assim, mudanças nos preços dos contratos futuro afetam o mercado a vista analisado e o contrário não se verifica, e que os mercados movem-se de maneira semelhante no longo prazo.


Variant title:
Relationship between market prices and future physical soybeans: evidence for the Brazilian market
Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/149189
Total Pages:
14




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-27

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)