SÍNTESE TEÓRICA DA CREDIBILIDADE E CONSISTÊNCIA DA POLÍTICA MONETÁRIA E SEUS CUSTOS EM TERMOS DE DESEMPREGO NO BRASIL

Este trabalho apresenta uma síntese teórica sobre a credibilidade e consistência da política monetária, buscando estimar os custos da tentativa de manter a credibilidade dessa no governo Lula, em termos de variações na taxa de desemprego. Para isso, usou-se a Lei de Okun e estimativas da taxa de desemprego não aceleradora da inflação (TDNAI). A partir da TDNAI estimada foi simulado um cenário alternativo de acordo com as metas inflacionárias estabelecidas pelas autoridades monetárias brasileiras para 2005. Dos resultados estimados foi possível concluir que a meta da inflação para 2005, estabelecida pelo Banco Central em 4,5%, não será cumprida e que a política monetária no Brasil tem baixa credibilidade, revertida em custos elevados em termos de desemprego – cerca de 0,85 pontos percentuais de desemprego para cada 1 ponto percentual de redução da inflação, conforme taxa de sacrifício estimada.


Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
Record Identifier:
http://ageconsearch.umn.edu/record/148312
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/148312
Total Pages:
12




 Record created 2017-04-01, last modified 2018-01-22

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)