EVOLUÇÃO DO ESPAÇO AGRÁRIO DO MUNICÍPIO DE QUEVEDOS-RS

O artigo propõe-se a discutir a evolução do espaço agrário do município de Quevedos-RS, sua herança histórica, características agroecológicas e socioeconômicas, bem como a diferenciação entre os tipos de produtores nele presentes, descrevendo-se, por fim, um sistema de produção típico do espaço agrário. A Análise Diagnóstica de Sistemas Agrários (DSA) considera a complexidade do meio rural por meio de variáveis geográficas, ecológicas e históricas e seus reflexos na composição tipológica dos diferentes agentes sociais da produção. Caracteriza-se por utilizar o enfoque sistêmico em cada nível de análise, baseando-se em passos progressivos que partem do geral para o particular, a fim de manter sempre uma visão global do objeto de estudo. Por meio do zoneamento agroecológico da região foram identificadas três zonas distintas: a zona alta (ao Norte), localizada na região do Planalto, a zona baixa (ao Sul) no Rebordo da Serra e uma zona intermediária. Na parte Norte a criação de gado associada ao cultivo de soja é predominante. Na parte Sul, observa-se o cultivo de feijão, milho, soja e fumo somados a pecuária de corte familiar. A tendência evolutiva da região é distinta para cada uma de suas microrregiões.


Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/147941
Total Pages:
18




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-10-19

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)