BIODIESEL: UMA PROPOSTA ECONÔMICA, SOCIAL E AMBIENTALMENTE CORRETA.

O crescente aumento no consumo de combustíveis fósseis, aliado aos choques do petróleo e guerras nos maiores países produtores têm aumentado as incertezas quanto ao suprimento futuro de petróleo. Assim, a utilização de óleos vegetais em adição ao diesel vêm sendo pesquisado como alternativa “limpa” à oferta mundial. Alem disso, a existência no Brasil de fronteiras agrícolas a serem desbravadas possibilita um aumento da produção de óleos vegetais e a possibilidade de obter um aumento de produtividade, permitindo assim, aumentar a produção de energia sem reduzir a produção de alimentos. Biodiesel é um combustível obtido a partir de óleos vegetais como o de girassol, nabo forrageiro, algodão, mamona, soja e canola, é uma energia renovável e, portanto, uma alternativa aos combustíveis tradicionais não renováveis. Reduz determinadas emissões poluentes e emissões de dióxido de carbono e promove o desenvolvimento da agricultura nas zonas rurais mais desfavorecidas, criando empregos e evitando a desertificação. Este combustível apresenta inúmeras vantagens em relação ao diesel comum. Reduz a dependência energética do País e a saída de divisas pela poupança feita na importação do petróleo bruto. O biodiesel pode ser utilizado em motores diesel, puro ou misturado com diesel fóssil numa proporção que vai de 1 a 99%.


Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/145993
Total Pages:
21




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-27

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)