Eficiencia Produtiva de Frigorificos e Laticinios no Brasil

A eficiência empresarial tem se tornado um importante instrumento para o sucesso empresarial. A eficiência da industria alimentícia está intimamente relacionada com a adoção de tecnologia, que pode proporcionar aumento de produtividade, aumentar a escala de produção e como conseqüência reduzir os custos. Nesta perspectiva, o trabalho teve por objetivo avaliar a eficiência produtiva de empresas do setor frigorífico e laticínios considerando a utilização do capital investido (ativo total das empresas, valor declarado no balanço patrimonial), o numero de funcionários e a receita liquida obtida. Para tanto, foi utilizado para medir a eficiência produtiva, o método de programação matemática Data Envelopment Analysis – DEA. Os níveis de eficiência técnica e de escala estimados neste trabalho para as empresas do setor frigorífico, respectivamente de 70,3 e 64,5% são considerados baixos, indicando que as empresas analisadas estão superdimensionadas em termos de ativos e número de funcionários devendo fazer ajustamentos ou do lado dos insumos ou do lado da receita. Para as empresas analisadas do setor de laticínios os resultados foram superiores, respectivamente, 82,5 e 85,8% para eficiência técnica e de escala. Níveis de ineficiência iguais aos obtidos aqui para o setor frigorífico mais do que para o setor de laticínios forçam para baixo o preço da matéria prima e para cima o preço dos produtos no varejo e para exportações. Estas indústrias necessitam estar atentas aos fatores determinantes da ineficiência que lhes é atribuída procurando ajustar-se. Contudo, o monitoramento da eficiência deverá ser constante como forma de se avaliar o progresso obtido.


Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/145337
Total Pages:
13




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-27

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)