A AGROINDÚSTRIA CANAVIEIRA DO PARANÁ PÓS-DESREGULAMENTAÇÃO: UMA ABORDAGEM NEOSCHUMPETERIANA

O trabalho tem como escopo analisar os principais condicionantes da evolução da agroindústria canavieira paranaense após a desregulamentação setorial, à guisa do instrumental neoschumpeteriano. A utilização da abordagem neoschumpeteriana, por meio, principalmente, dos trabalhos de Nelson e Winter, Rosenberg, Freeman, Dosi e Cochrane, deve-se ao fato de que, segundo esta corrente do pensamento econômico, existe uma dinâmica competitiva na qual a inovação é um elemento central de diferenciação entre as empresas. Este trabalho se configura como de natureza qualitativa e para a coleta de dados nos levantamentos utilizou-se o questionário como técnica de interrogação. Deve-se enfatizar o fato de as empresas paranaenses que compõem o setor agroindustrial canavieiro estarem, desde a desregulamentação setorial, ocorrida em 1990, inseridas no paradigma tecnológico vigente no setor, em que importa estar atento a atributos importantes para a maior competitividade setorial, tais como: maior apuração de custos; introdução de inovação em produtos e processos; e aquisição e construção de competências e habilidades no desenvolvimento de capacitações produtivas, tecnológicas e organizacionais.


Subject(s):
Issue Date:
2006
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/142538
Total Pages:
21




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-26

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)