O RURAL DE ECONOMIA NÃO-AGRÍCOLA: ASPECTOS ANTROPOLÓGICOS DE MINAS DO CAMAQUÃ

Os projetos de intervenção buscam alavancar alternativas que tenham como ponto de partida alocar os recursos das unidades produtivas em prol do desenvolvimento das localidades rurais. Para a formulação desses projetos, os técnicos precisam conhecer exaustivamente o local a ser trabalhado, para isso, é imprescindível que seja lançado também um olhar antropológico acerca da população que compõem a localidade estudada. Nesse sentido, o presente trabalho teve como objetivo identificar, por meio de uma pesquisa de campo, os aspectos antropológicos (o homem e sua história, ciclos de ocupação, crenças, tradições, mitos, religião) da população de Minas do Camaquã, distrito de Caçapava do Sul no estado do Rio Grande do Sul. A metodologia empregada na pesquisa constituiu-se basicamente de entrevistas semi-estruturadas com moradores locais. A escolha do local para a realização do trabalho deu-se, especialmente, pela peculiaridade da região, visto que se trata de um espaço no meio rural onde a economia predominante decorre das atividades de mineração, não tendo qualquer relação determinante no âmbito econômico com práticas agrícolas. Dentre os resultados obtidos com a pesquisa, destaca-se o sentimento de paternalismo da população local que não se sente responsável pelo local que vive, não existe um sentimento de pertença por parte dessas pessoas. Em seguida, formulou-se recomendações com a pretensão de contribuir para o desenvolvimento rural da localidade como um todo, na perspectiva da participação da população enquanto agentes de desenvolvimento.---------------------------------------------The projects of intervention search to lever alternatives that have as starting point to place the resources of the productive unities on behalf of rural localities development. For the formulation of these projects, the technician has to know thoroughly the place to be worked, for this, it is indispensable to be also cast an anthropological look concerning to the population that consists the studied locality. In this way, the present work had as objective to identify, through a field research, the anthropological aspects ( man and his history, cycles of occupation, beliefs, traditions, myths, religion) of the population from Minas do Camaquã, district of Caçapava do Sul in the state of Rio Grande do Sul. The methodology used in the research constitute basically a semi-structured interview with local residents. The choice of the place for the work carrying out was done, specially, because of the peculiarity of the region, since it is concerned to a space in the rural circle where the predominant economy comes from mining activities, having no determiner relation in economic scope with agricultural practices. Among the results obtained by the research, stands out the paternalism feeling of the local population that don’t feel themselves responsible of the place that they live, there is no feeling of belonging concerned to these people. Next, there were formulated recommendations with the pretension of contributing for the rural development as a whole, in the perspective of the population participation while agents of development.


Issue Date:
2008-07
Publication Type:
Conference Paper/ Presentation
PURL Identifier:
http://purl.umn.edu/109786
Total Pages:
16




 Record created 2017-04-01, last modified 2017-08-26

Fulltext:
Download fulltext
PDF

Rate this document:

Rate this document:
1
2
3
 
(Not yet reviewed)